top of page

Como proteger a empresa de ataques de hackers






















Já imaginou se você tivesse seus dados sequestrados ou vazamento de informações importantes ou até mesmo confidenciais? Esses são alguns dos crimes cibernéticos mais comuns contra estruturas empresariais no Brasil.

Segundo a “Pesquisa Global de Riscos 2022” realizada pela PwC, 68% dos gestores têm optado por aumentar o investimento em recursos para fortalecer a segurança em TI.

Proteger uma empresa de ataques de hackers é uma tarefa complexa, mas existem algumas medidas que podem ser tomadas para aumentar a segurança do negócio. Algumas das principais dicas são:

  1. Utilizar softwares de segurança: é importante ter antivírus, firewalls e outros softwares de segurança atualizados e configurados corretamente para proteger a empresa contra ataques.

  2. Manter sistemas e softwares atualizados: muitos ataques de hackers exploram vulnerabilidades em sistemas e softwares desatualizados, portanto, é importante manter tudo sempre atualizado.

  3. Ter políticas de segurança claras: é importante ter políticas de segurança claras para orientar os funcionários em relação a senhas seguras, uso adequado de dispositivos e outros aspectos que possam afetar a segurança da empresa.

  4. Treinar os funcionários: os funcionários devem ser treinados para identificar possíveis ameaças e saber como agir em caso de um ataque.

  5. Fazer backups regularmente: fazer backups regulares de dados importantes é fundamental para garantir que a empresa possa recuperar informações em caso de um ataque bem-sucedido.

  6. Monitorar a rede: monitorar a rede pode ajudar a detectar possíveis atividades maliciosas e agir rapidamente para impedir um ataque.

  7. Contratar especialistas em segurança: contar com a ajuda de especialistas em segurança pode ser uma boa opção para garantir que a empresa esteja bem protegida contra ataques de hackers.

Você pode ainda aumentar mais a segurança cibernética da sua empresa, se considerar utilizar soluções de TI disponíveis na nuvem, que oferecem alta disponibilidade e segurança. Além disso, é importante criar uma estratégia de defesa sólida, definindo uma política de segurança da informação que determine processos críticos, níveis de acesso a dados e sistemas, e informações confidenciais.

Em caso de ataque cibernético, é fundamental ter um plano de gestão de crise para comunicar os funcionários e apresentar as medidas que serão adotadas para resolver o problema.

Comentários


bottom of page